Prêmio Sesc de Literatura lança livros vencedores de 2020 em evento virtual

Da Assessoria de Impressa

Os dois livros vencedores do Prêmio Sesc de Literatura 2020 serão lançados nesta terça-feira (24), às 20h, em evento virtual. Na live promovida pelo Sesc, Caê Guimarães, autor do romance ‘Encontro você no oitavo round’, e Tônio Caetano, escritor da coletânea de contos ‘Terra nos cabelos’, apresentam suas obras ao público e falam sobre as expectativas em relação ao ingresso no mercado editorial. A live será transmitida pela página do Prêmio Sesc no Facebook e pelo YouTube Sesc Brasil

“Os últimos resultados nos mostram que o país vem produzindo muito bem no quesito literatura, com grande diversidade cultural. Mais uma vez, duas grandes obras foram as vencedoras do Prêmio Sesc de Literatura de 2020”, comemora o analista de Literatura do Departamento Nacional do Sesc, Henrique Rodrigues.

O bate-papo com os vencedores do Prêmio Sesc versará sobre seus livros, a trajetória de cada um deles na literatura e como conduzem o processo criativo. Na live, serão exibidos vídeos com os próprios autores lendo trechos dos seus livros.  

No lançamento virtual, o público também poderá rever os vencedores da edição de 2019, Felipe Holloway e João Gabriel Paulsen, que participam do debate com os novos autores e contam suas experiências neste primeiro ano de ingresso oficial na carreira literária.

Há 17 anos, o Prêmio Sesc de Literatura revela anualmente dois escritores, sempre nas categorias Romance e Conto. Nesse período, se tornou uma das mais importantes premiações do país, ao oferecer oportunidades a novos autores e impulsionar a renovação no panorama literário brasileiro, sendo hoje considerado referência por críticos literários, escritores brasileiros e visto como porta de entrada para o mercado editorial no Brasil.

Neste ano foram inscritos 1358 livros, sendo 692 romances e 666 coletâneas de contos. O cronograma, por ser executado por trabalho remoto, não foi afetado pela pandemia, de modo que o resultado pôde ser divulgado no prazo previsto.

Vencedores

Caê Guimarães nasceu em 1970, no Rio de Janeiro e foi criado no Espírito Santo, onde vive atualmente. É poeta, escritor, jornalista, redator e roteirista. Com “Encontro você no oitavo round”, apresenta uma narrativa que trata de redenção: um pugilista se debate entre um incômodo zumbido e a memória de outra ocupação antes de se dedicar ao boxe. Dias antes da sua última luta, ele conhece uma jornalista disposta a desvendar o que o fez tomar o caminho dos ringues. “Eu recebi com muita alegria a notícia que o meu primeiro romance foi o vencedor do Prêmio Sesc de Literatura. É uma oportunidade muito potente de levar meu trabalho pra outras praças, conhecer autores, públicos e outras formas de fazer literatura e estar no mundo”, afirma Caê.

Tônio Caetano nasceu em Porto Alegre, em 1982. Trabalha como servidor público municipal e é especialista em Literatura Brasileira pela PUC-RS. Já participou de várias antologias literárias. No volume de contos “Terra nos cabelos”, são trilhados diferentes percursos da mulher na nossa sociedade, envolvendo questões que abordam o mundo do trabalho: o primeiro beijo, ritos de iniciação, violências externas e internas submetidas ao sexo feminino. “A literatura faz parte da minha vida desde a infância. Ganhar o Prêmio Sesc me faz a pessoa mais feliz e também me dá um baita frio na barriga. Eu ainda estou assimilando tudo o que representa este momento. A minha única certeza é que vai me tornar um escritor melhor”, comenta Tônio.

O Prêmio Sesc de Literatura hoje figura ao lado das maiores premiações nacionais. Os vencedores têm suas obras publicadas e distribuídas pela editora Record, parceira do Sesc no projeto.