Saiba se o seu CPF foi usado para solicitar o auxílio emergencial sem autorização

Desde março, quando o governo começou a receber os pedidos para o auxílio emergencial, diversas fraudes vêm sendo relatadas, tanto pelos cidadãos como pela Caixa Econômica Federal. 

Um dos casos mais graves são porque o pai da criança se cadastrou primeiro utilizando o CPF do filho do casal para ter direito ao auxílio em dobro (R$ 1200 mensais), destinado apenas a mulheres chefes de família.

A Caixa Econômica Federal do auxílio por suspeita de fraude.

Diante de tanta insegurança, o governo disponibilizou um canal virtual para averiguar se alguém tentou utilizar ilegalmente o CPF de outra pessoa. 

Para descobrir, basta acessar o

Problemas CPF

Desde que se iniciou o  do auxílio emergencial,  Segundo relatos, o problema que mais aparece como justificativa para a não aprovação do benefício é inconsistência cadastral relacionado ao CPF.

A solução dessa situação desde o princípio foi um desafio para a população porque muitos locais de atendimento da Receita Federal estavam fechados por medidas de isolamento social para controle da propagação do coronavírus.

O  no entanto, mesmo assim trabalhadores relatavam problemas para solucionar sua situação.

Passados quase 4 meses da aprovação da renda emergencial no congresso federal, a Receita  

Para utilizar a ferramenta é preciso ter o aplicativo no celular e ir opção "canais", depois procure por ReceitaFederalOficial, e clique para participar. 

Edição: Lucas Weber

Fonte: www.brasildefato.com.br/2020/08/25/saiba-se-o-seu-cpf-foi-usado-para-solicitar-o-auxilio-emergencial-sem-autorizacao

Coronavírus em Tempo Real