PF encontra R$ 145 mil em mala com presidente da Assembleia de Alagoas

Foto: Divulgação/Assembleia Legislativa de Alagoas

Aliado da família do senador Renan Calheiros, deputado Marcelo Victor foi abordado em hotel em Maceió. PF apura suspeita de compra de votos

Polícia Federal encontrou cerca de R$ 145 mil em dinheiro vivo dentro de uma mala com o presidente da Assembleia Legislativa de Alagoas, Marcelo Victor (MDB), nesta sexta-feira (30/9).

Aliado da família do senador Renan Calheiros (MDB), o parlamentar foi abordado pelos policiais com um assessor, ao sair de um hotel em Maceió. A PF apura a suspeita de que o dinheiro seria utilizado para compra de voto.

De acordo com nota da corporação, houve uma denúncia e, por isso, os policiais foram até o hotel. O comunicado não cita o nome de Marcelo Victor, mas confirma que havia um parlamentar.

“No momento da abordagem, foi apreendido com o grupo uma bolsa contendo cerca de R$ 145.000,00 (cento e quarenta mil reais), além de listas com nomes de pessoas e santinhos. Um dos assessores evadiu-se do local, levando uma mala consigo. Não houve prisão. No entanto, foi instaurado inquérito policial para apurar possível prática de crime de compra de votos”, diz a nota.

O assessor do deputado, que é um policial militar, teria sacado uma arma durante a ação e saiu correndo com a mala. Marcelo Victor foi levado pela PF para depor.

Bens declarados

O deputado tenta se reeleger neste domingo (2/10) com o apoio da família Calheiros. Ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ele declarou ter contratado R$ 100 mil em despesas de campanha e arrecadado apenas R$ 15,1 mil com recursos próprios.

A reportagem tentou contato com Marcelo Victor por telefone, mas ainda não obteve retorno. O espaço segue aberto para manifestação.

Nas redes sociais, o deputado publicou um vídeo no qual acusa o ex-secretário de Segurança Pública Alfredo Gaspar, que concorre a deputado federal pelo União Brasil, de espalhar fake news de que ele havia sido preso pela PF.

Gaspar deixou a gestão do ex-governador Renan Filho e se aliou ao presidente da Câmara, Arthur Lira (PP), rival da família Calheiros em Alagoas.

Fonte: https://www.metropoles.com/brasil/pf-encontra-r-145-mil-em-mala-com-presidente-da-assembleia-de-alagoas