Mundo se aproxima de 1 milhão de mortes pela covid-19; Manaus retoma restrições

O mundo chegou neste domingo (27) à beira de 1 milhão de mortes causadas pela pandemia de coronavírus, conforme registros da universidade John Hopkins, referência no monitoramento global dos casos de covid-19.

Segundo o levantamento internacional, até o momento, são 995.608 vítimas fatais da doença. O país que mais contribui com a marca é os Estados Unidos, com 204.724 mortes registradas.

::Saiba mais: Quando e como a vacina contra o coronavírus deve chegar ao Brasil?::

O Brasil, segundo colocado na lista, chegou a 141.741 óbitos, de acordo com dados divulgados também neste domingo pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass). O terceiro país com mais mortes contabilizadas é a Índia, com 94.503.

Ainda conforme a divulgação das secretarias de Saúde dos estados brasileiros, os casos confirmados em território nacional agora somam 4.732.309.

Manaus dá passo atrás

Em resposta a uma nova onda de casos nos últimos dias, o governo do Amazonas decretou o fechamento de bares e balneários em Manaus. As autoridades locais também decidiram proibir festas e reuniões por 30 dias, além de restringir o horário de funcionamento em restaurantes e shoppings.

::Cresce o número de brasileiros que não adotam nenhuma medida de isolamento::

O recuo vem dias depois de pesquisadores da Universidade de São Paulo (USP) sugerirem que a capital amazonense estaria perto de uma “imunidade coletiva” – ou seja, a contaminação de grande parte da população dificultaria a propagação do vírus.

Na última semana (do dia 20 a 26), conforme o Conass, o estado do Amazonas contabilizou 4.569 novos casos de covid e 66 mortes em decorrência da doença.

O que é o novo coronavírus?

Trata-se de uma extensa família de vírus causadores de doenças tanto em animais como em humanos. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), em humanos os vários tipos de vírus podem provocar infecções respiratórias que vão de resfriados comuns, como a Síndrome Respiratória do Oriente Médio (MERS), a crises mais graves, como a Síndrome Respiratória Aguda Severa (SRAS). O coronavírus descoberto mais recentemente causa a doença covid-19.

Como ajudar quem precisa?

A campanha “Vamos precisar de todo mundo” é uma ação de solidariedade articulada pela Frente Brasil Popular e pela Frente Povo Sem Medo. A plataforma foi criada para ajudar pessoas impactadas pela pandemia da covid-19. De acordo com os organizadores, o objetivo é dar visibilidade e fortalecer as iniciativas populares de cooperação.

Edição: Geisa Marques

Fonte: www.brasildefato.com.br/2020/09/27/mundo-se-aproxima-de-1-milhao-de-mortes-pela-covid-19-manaus-retoma-restricoes

Coronavírus em Tempo Real