Moraes determina bloqueio das contas de 43 suspeitos de financiar atos golpistas

São Paulo – O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes determinou o bloqueio das contas bancárias de 43 pessoas físicas e empresas suspeitas de financiar atos de bolsonaristas golpistas. E também o depoimento à Polícia Federal em até 10 dias. Entre elas, estão empresas de transportes, de maquinário agrícola e até banco.

Desde as primeiras horas da confirmação da derrota de Jair Bolsonaro (PL) nas urnas, em 30 de outubro, começaram bloqueios em rodovias e atos em frente aos quarteis em todo o país, contestando o voto da maioria dos eleitores e pedindo intervenção militar.

As ações em estradas de 25 estados, ao longo de dias, causaram prejuízos econômicos e sociais. Sem contar casos de pessoas que perderam consultas médicas, exames, sessões de hemodiálise. Houve até um caso de doação de um coração que acabou prejudicada.

Atos golpistas são criminosos ao abolir do estado de direito

Em decisão assinada no último sábado (12), Moraes afirma que os direitos de greve e de reunião são garantidos pela Constituição. Mas que esses protestos foram criminosos ao “propagar o descumprimento e desrespeito ao resultado do pleito eleitoral […], com consequente rompimento do Estado Democrático de Direito e a instalação de um regime de exceção”.

Segundo o ministro, ao pedir por “intervenção federal” podem configurar o crime de Abolição Violenta do Estado Democrático de Direito, cuja pena pode ser de quatro a oito anos de prisão.

Na semana passada, as Forças Armadas divulgaram nota pública sobre os atos golpistas dos bolsonaristas. O texto dos comandantes, que na véspera estiveram com Bolsonaro, endossou as manifestações, consideradas legítimas. Condenou apenas “excessos que podem afetar direitos”.

‘O direito de manifestação não se aplica a atos contra a democracia’, diz Gleisi, sobre nota das Forças Armadas

Confira lista dos 43 suspeitos de financiar atos antidemocráticos pós-derrota de Bolsonaro

  • Agritex Comercial Agrícola Ltda
  • Agrosyn Comércio E Representação de insumos Agrícolas
  • Airton Willers
  • Alexandro Lermen
  • Argino Bedin
  • Arraia Transportes Ltda
  • Assis Claudio Tirloni
  • Banco Rodobens S.A
  • Berrante de Ouro Transportes Ltda
  • Cairo Garcia Pereira
  • Carrocerias Nova Prata Ltda
  • Castro Mendes Fábrica de Peças Agrícolas
  • Cerâmica Nova Bela Vista Ltda
  • Comando Diesel Transp e Logistica Ltda
  • Dalila Lermen Eireli
  • Diomar Pedrassani
  • Drelafe Transportes de Carga Ltda
  • Edilson Antonio Piaia
  • Fermap Transportes Ltda
  • Fuhr Transportes Eireli
  • Gape Serviços de Transportes Ltda
  • J R Novello
  • Kadre Artefatos de Concreto e Construção
  • KNC Materiais de Construcao Ltda
  • Leonardo Antonio Navarini & Cia Ltda;
  • LLG Transportadora Ltda
  • M R Rodo Iguaçu Transportes Eireli
  • Muriana Transportes Ltda
  • MZ Transportes de Cargas Ltda
  • P A Rezende E Cia Ltda
  • Potrich Transportes – Ltda
  • Rafael Bedin
  • Roberta Bedin
  • Sergio Bedin
  • Sinar Costa Beber
  • Sipal Industria E Comercio Ltda
  • Tirloni e Tirloni Ltda-Me
  • Transportadora Adrij Ltda ME
  • Transportadora Chico Ltda
  • Transportadora Lermen Ltda – EPP
  • Transportadora Rovaris Ltda
  • TRR Rio Bonito T. R. R. Petr. Ltda
  • Vape Transportes Ltda

(Redação: Cida de Olivera, com Uol)

O post Moraes determina bloqueio das contas de 43 suspeitos de financiar atos golpistas apareceu primeiro em Rede Brasil Atual.

Fonte: https://www.redebrasilatual.com.br/politica/moraes-determina-bloqueio-das-contas-de-43-suspeitos-de-financiar-atos-golpistas/