Atos dos #24J por vacina, auxílio e 'fora Bolsonaro' em mais de 200 locais

São Paulo – Com mas de 200 atos confirmados até agora, inclusive em outros seis países, movimento sociais sairão às ruas novamente no próximo sábado, no ato 24J, por mais vacina, auxílio emergencial de R$ 600 e emprego, além do “fora Bolsonaro”, entre outras reivindicações. Em nota, as centrais sindicais convocaram para o ato, que também valerá para manifestar indignação por mais de 545 mil mortes pela covid-19. Confira ao final os eventos. Em alguns, haverá arrecadação de alimentos e roupas.

Centenas de milhares dessas mortes poderiam ter sido evitadas, lamentam as entidades. “Só o povo em massa nas ruas vai impedir que se concretizem as aventuras autoritárias que o presidente tem insinuado, como a de que pode impedir a realização das eleições de 2022 ou não aceitar o resultado das urnas eletrônicas em caso de derrota”, afirmam ainda.

Assim, acrescentam os sindicalistas, é preciso ir à rua também para pressionar o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), para pautar um dos mais de 120 pedidos de impeachment do presidente da República. Como o “superpedido” apresentado no início deste mês. As centrais pedem que todos levem máscaras (inclusive reserva) e álcool em gel, além de manter distância de pelo menos 2 metros das outras pessoas.

Em São Paulo, ato está marcado novamente para o Masp, a partir das 15h. Serão dois caminhões de som na Avenida Paulista: diante do Masp e do Conjunto Nacional.

“É hora de deixar claro que não aceitamos mais um governo incompetente, desumano, corrupto e genocida”, concluem as centrais. A nota é assinada por Sérgio Nobre (CUT), Miguel Torres (Força Sindical), Ricardo Patah (UGT), Adilson Araújo (CTB), Antonio Neto (CSB). José Reginaldo Inácio (Nova Central), Ubiraci Dantas de Oliveira, o Bira (CGTB), Atnágoras Lopes (CSP-Conlutas), Edson Carneiro, o Índio (Intersindical ), Emanuel Melato (Intersindical) e José Gozze (Pública).

Fonte: www.redebrasilatual.com.br/politica/2021/07/24j-por-vacina-emprego-auxilio-contra-aventuras-autoritarias-200-locais