Sindilojas realiza debate sobre tributos no Piauí

O Sindicato dos Lojistas do Comércio do Estado do Piauí (Sindilojas-PI) reuniu nessa terça-feira, 9, empresários, contadores e advogados para discutir sobre a cobrança de ICMS no trânsito, duplicidade de obrigações e malha fiscal. O Superintendente da Receita Estadual, Emílio Júnior, foi convidado para conduzir o bate-papo.  

“Foi um bate-papo muito proveitoso para todos nós. O Emílio (Júnior) está lá na superintendência aberto a conversa. Tanto quando chegamos, ele disse que não estaria aqui no dia seguinte, devido a viagem. Assim que retornou, já agendamos. Muito importante essa disponibilidade para debatermos a temática e apresentarmos sugestões para melhorias”, afirmou o presidente do Sindilojas, Tertulino Passos.

O superintendente falou sobre a iniciativa do Sindicato. “Agradecemos ao Sindilojas pela oportunidade de discutir a temática. Foi um encontro muito salutar. Ouvimos as principais demandas em relação aos problemas que as empresas têm no trânsito de mercadoria, a questão das malhas fiscais e a duplicidade das obrigações acessórias. Colocamos os pontos de vistas, as dificuldades e a busca por soluções para que a gente possa em uma via de dupla estar ajudando. Ou seja, o fisco está fazendo seu papel com menos transtornos para que os empresários possam ter mais tempo para seu negócio. Nossa ideia é facilitar a questão de como fazer essa apuração de tributo para que o próprio empresário tenha mais tempo para seu negócio e não ficar calculando tributo”, explicou Emílio Júnior.

Na ocasião, o superintendente esclareceu dúvidas. “Um encontro muito produtivo, principalmente quanto a malha fiscal, é um instrumento novo, que a Sefaz padronizou recentemente. Referente ao nosso trabalho, estamos passando algumas dificuldades quanto as malhas fiscais. Essa vinda dos representantes da Sefaz ao Sindilojas foi importante para solucionar dúvidas e assim melhorar o serviço da classe”, ressaltou contador Robben de Sousa Oliveira.