Quem foi Chiquinha Gonzaga: compositora, pianista e maestrina

Chiquinha Gonzaga recebeu uma homenagem do Google nesta quarta-feira, dia em que completaria 171 anos. O site preparou um doodle com a imagem da musicista sentada ao piano e compondo uma música, forma como ganhou reconhecimento nacional e se tornou uma das compositoras mais influentes da música popular brasileira.

Natural do Rio de Janeiro, Francisca Edwiges Neves Gonzaga, que depois ficaria conhecida como Chiquinha, teve aulas de música desde a infância e compôs a primeira canção com apenas 11 anos. Afilhada de Luís Alves de Lima e Silva, o Duque de Caxias, a jovem recebeu uma educação rígida, por influência da família do pai, que era general do exército imperial.

Doodle Google Chiquinha Gonzaga Doodle Google Chiquinha Gonzaga

Aos 16 anos foi forçada pelos pais a se casar com o oficial da marinha, Jacinto Ribeiro do Amaral, com quem teve três filhos. A união, no entanto, durou poucos anos e Chiquinha pediu a separação. A decisão foi motivo de grandes críticas na época e a musicista foi proibida de cuidar dos filhos mais novos, convivendo apenas com o primeiro, João Gualberto. 

Chiquinha começou a dar aulas de piano e o gosto pela música a tornou a primeira grande compositora de música popular do Brasil. O seu primeiro sucesso foi a polca Atraente, de 1877. A pianista logo começou a escrever trilhas de peças, como as operetas Forrobodó e A Corte na Roça.

A composição mais popular de Chiquinha hoje é a marchinha de carnaval Ó Abre Alas. Lançada em 1899, a música foi uma das primeiras escritas especialmente para a festividade. Outros sucessos da pianista foram o tango Gaúcho e a habanera Sonhando.

Neta de uma escrava alforriada, Chiquinha também foi uma grande defensora do movimento abolicionista. A pianista ainda teve mais dois relacionamentos longos durante a vida, depois da primeira separação. Aos 20 anos, reencontrou o namorado da juventude, o engenheiro João Batista de Carvalho, com quem teve uma filha, Alice Maria. E aos 52 anos, começou a namorar o jovem músico João Batista Fernandes Lage, de apenas 16 anos, com quem ficou até o fim da vida. 

Chiquinha morreu aos 87 anos, no Rio de Janeiro, deixando como legado, um acervo de aproximadamente trezentas composições.

Chiquinha Gonzaga Chiquinha Gonzaga, pianista e compositora