PSL já ter votos suficientes para a presidência da Alerj

Pelas contas do deputado estadual eleito Rodrigo Amorim (PSL), o aliado Márcio Pacheco (PSC) já tem o voto de 40 dos 70 parlamentares para a presidência da Alerj.

Para conquistar o cargo são necessários ao menos 36 votos.

Segundo Amorim, a bancada do PSL enxerga ter larga vantagem sobre candidato rival e atual presidente da Casa, André Ceciliano (PT).

“Ainda estamos em conversas com os deputados, mas a aceitação é ampla. Ou seja, esse número ainda vai aumentar”, acredita.

“Queremos que o PT seja varrido da Alerj, ou fará da casa um refúgio para alocar correligionários”, diz.

A eleição acontecerá em março.