O batalhão de tucanos e ex-tucanos que deram apoio a Lula na reta final

Na reta final da campanha, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) recebeu na tarde desta terça-feira, 27, o apoio à sua eleição no primeiro turno de um verdadeiro exército de ex-tucanos, tucanos e pessoas que atuaram nos governos do PSDB.

Entre os nomes que emprestaram apoio ao petista estão cinco ex-ministros de FHC, como Aloysio Nunes, Luiz Carlos Bresser-Pereira, José Carlos Dias, Paulo Sérgio Pinheiro e Claudia Costin, além do ex-presidente do BNDES André Lara Resende, um dos pais do Plano Real.

Apesar de representantes de diferentes vertentes na reunião, a intersecção do grupo se deu por manifestações em defesa da democracia e em menções a figuras importantes do período de redemocratização brasileiro, entre elas Tancredo Neves, o presidente da Assembleia Constituinte Ulysses Guimarães e Mário Covas, ex-governador de São Paulo.

O coordenador do plano de governo petista, Aloizio Mercadante, classificou o movimento como uma “aliança improvável e complementar, imprescindível ao país”. “Acreditamos muito que a esperança possa vencer o descaso, e no primeiro turno”.

Geraldo Alckmin (PSB), vice na chapa de Lula e um dos articuladores deste novo bloco de apoio, relembrou da defesa à democracia — discurso que tem sido replicado como “razão de ser” da aliança entre nomes do PT, do PSDB e da centro-direita.

“Lá atrás, no período da ditadura, na Constituição Cidadã, estávamos todos juntos. Precisamos fortalecer a democracia e aprimorar as instituições (…) Essa reunião retrata o Brasil, que é a pluralidade. Melhorar o emprego, a renda, e consolidar a democracia e um governo solidário”, disse o ex-tucano.

No quesito vice, Lula ainda citou o empresário José Alencar — titular do posto em seus dois mandatos –, que, assim como Alckmin, assumiu a figura de “fiador” da candidatura do petista junto a setores liberais e ao eleitorado que, à época, considerava Lula um “radical”.

Veja a lista completa:

Rubens Ricupero
Ex-ministro da Fazenda de Itamar Franco, foi embaixador do Brasil na Itália no governo FHC

Aloysio Nunes
Ex-ministro nos governos FHC e Temer, foi senador pelo PSDB

André Lara Resende
Ex-diretor do Banco Central e ex-presidente do BNDES no governo FHC

Claudia Costin – ministra de Estado e ex-secretária de SP
Ex-ministra da Administração do governo FHC

Luiz Carlos Bresser-Pereira – ministro
Ex-ministro da Administração e da Ciência e Tecnologia no governo FHC, é um dos fundadores do PSDB

José Carlos Dias
Ex-ministro da Justiça no governo FHC

Continua após a publicidade

Fabio Feldman – deputado constituinte e secretário
Ex-secretário do Meio Ambiente na gestão de Mário Covas em SP

Silvio Torres
Ex-deputado federal pelo SP e ex-secretário de Habitação no governo Geraldo Alckmin em SP

Floriano Pesaro
Ex-secretário de Desenvolvimento Social na gestão Geraldo Alckmin em SP

Pedro Tobias
Ex-presidente do PSDB-SP

Paulo Sérgio Pinheiro
Ex-secretário nacional de Direitos Humanos no governo FHC

Hedio Silva Júnior
Ex-secretário estadual de Justiça em SP

Marcos Vinicio Petrelluzzi
Ex-secretário de Segurança Pública no governo Mário Covas em SP

Marcio Elias Rosa
Ex-procurador-geral de Justiça no governo Geraldo Alckmin, em SP

João Carlos Meirelles
Ex-secretário da Agricultura no governo Geraldo Alckmin em SP

Gabriel Chalita
Ex-secretário da Educação no governo Geraldo Alckmin em SP

Eloisa Arruda
Ex-secretária de Justiça no governo Geraldo Alckmin em SP

Belizario dos Santos Junior
Ex-secretário de Justiça no governo Mário Covas em SP

 

Continua após a publicidade

Fonte: https://veja.abril.com.br/politica/o-batalhao-de-tucanos-e-ex-tucanos-que-deram-apoio-a-lula-na-reta-final/