Lewandowski dá 48 horas para Bolsonaro e Pazuello apresentarem um plano contra a crise sanitária em Manaus

Ministro do STF concede liminar que obriga o governo federal a suprir imediatamente os hospitais de Manaus de oxigênio e insumos para atender aos pacientes de Covid-19. Ele atendeu pedido apresentado por partidos de oposição.

O ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal, concedeu decisão liminar, no âmbito da ADPF 756, que obriga o governo federal a suprir de imediato os hospitais de Manaus de oxigênio e insumos. Ele atende a uma ação apresentada pelos partidos de oposição PCdoB, PSOL, PT, PSB e Cidadania.

As unidades de saúde na capital do Amazonas estão em colapso pela alta de internações de pacientes com Covid-19 e pacientes estão morrendo asfixiados.

Em seu despacho, Lewandowski também pede que Jair Bolsonaro e o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, apresentem um plano de ação em até 48 horas.

Brasil 247