Passeio ciclístico do Metrópoles e DER agita o Eixão do Lazer

As pistas do Eixão do Lazer foram tomadas por ciclistas na manhã deste domingo (26/05/2018). O Passeio Ciclístico Maio Amarelo, organizado pelo Metrópoles e pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER-DF), reuniu aproximadamente 650 pessoas na área central de Brasil. Contou com a participação de famílias inteiras e atletas profissionais e amadores. A ação era nobre: conscientizar sobre a prevenção aos acidentes de trânsito. A concentração começou logo cedo, por volta das 8h30, com um aulão de aquecimento organizado pela academia Bluefit. Para quem quis checar como andava a saúde, os profissionais da clínica Matsumoto aferiram a pressão e realizaram exame de bioimpedância. Ali também se reuniram ciclistas de várias cidades do Distrito Federal como o grupo Pedal Cruzeiro, que veio da região administrativa para participar do evento. “Pedalamos juntos há bastante tempo. E essa foi mais uma oportunidade para que pudéssemos nos reunir e alertar as pessoas da importância da prevenção contra acidentes de trânsito”, observou José Mendonça, 56. Largada e festaA largada foi dada às 9h30, na altura da 102 Sul. O grupo de ciclistas seguiu até a 110 Sul e retornou ao ponto inicial. Todo o trajeto de 5,8 quilômetros foi feito em, aproximadamente, 30 minutos. “É muito bom ver esse tipo de ação. É importantíssimo mostrar que a bicicleta também é um veículo”, disse Iracy Borges, 62. O jornalista e atleta Afonso Morais, o Bike Repórter da Rádio Metrópoles FM, responsável por realizar a cobertura diária da situação do trânsito no DF, esteve à frente do pelotão ao longo do trajeto. Durante a ação, ele fez flashes ao vivo, por meio dos quais pôde contar um pouco sobre o clima do evento. Mulheres, homens, crianças e idosos seguiram pelo Eixão para lembrar da importância do Maio Amarelo. Ao final do passeio, os participantes soltaram 350 balões. Ainda houve distribuição de brindes da Rádio Metrópoles FM, 200 camisas do evento, 1,6 mil coletes refletivos do DER e diversos kits dos patrocinadores. O evento foi gratuito e aberto ao público. ConscientizaçãoPromovido pela Transitolândia/DER, em parceria com o Grupo Metrópoles, o evento fez parte do Maio Amarelo, movimento mundial destinado a chamar a atenção para o alto índice de mortos e feridos no trânsito. A responsabilidade e a conscientização de motoristas, pedestres e ciclistas também foram reforçadas pela diretora de Educação de Trânsito do DER-DF, Jucianne Nogueira. “Essa foi uma das ações previstas para o Maio Amarelo. Ficamos satisfeitos com o apoio e a importância que os ciclistas estão tendo com a causa”, afirmou. O secretário de Transporte e Mobilidade do DF, Valter Casimiro Silveira, que também esteve presente no passeio, confirmou que o Governo do Distrito Federal pretende construir 18 novos trechos de ciclovias até 2022. “O evento faz parte dessa grande conscientização a favor da prevenção aos acidentes de trânsito. Também queremos oferecer melhores condições para os ciclistas com a construções de 132 km até o fim do mandado”, completou. A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que 1,9 milhão de pessoas devem morrer no trânsito em 2020 e 2,4 milhões, em 2030. O órgão calcula ainda que, nesse período, entre 20 milhões e 50 milhões de pessoas sobreviverão a acidentes por ano com traumatismos e ferimentos. O passeio teve patrocínio da Ultrabox, BioMundo, Unip, Big Box, Casa Thomas Jefferson e apoio da Bluefit, Clínica Matsumoto, Brasal Refrigerantes, SEST/SENAT e Caesb.  

Fonte: www.metropoles.com/distrito-federal/passeio-ciclistico-do-metropoles-e-der-agita-o-eixao-do-lazer