Partido Trabalhista quer debate sobre Brexit, mas recusa reunião com May

O Partido Trabalhista da Grã-Bretanha está pedindo um “amplo e franco debate” sobre o plano parado do governo para o Brexit, mas ainda não vai se reunir com a Primeira Ministra, Theresa May.

O porta-voz do principal partido de oposição ao Brexit, Keir Starmer, planeja fazer um discurso para dizer que agora cabe ao Parlamento tomar as decisões difíceis necessárias para superar o impasse.

O plano de May para a saída britânica da União Europeia foi profundamente rejeitado Parlamento esta semana, levando a rumores de crise antes de seu retorno ao Parlamento na segunda-feira 21, já com planos alterados.

Jeremy Corbyn, líder do Partido Trabalhista, se recusa a participar das negociações até que May elimine da mesa a possibilidade de um Brexit “sem acordo”.