“O Tempo Não Para”: Dom Sabino é inocentado pela Justiça

Dom Sabino contará com ajuda de Marocas para ficar livre (Imagem: Reprodução / Globo)

É claro que Emílio (João Baldasserini) não gostará nem um pouco de ver Dom Sabino (Edson Celulari) terminando de vez com a cerimônia de casamento do rapaz com Marocas (Juliana Paiva). Ele não economizará na maldade e resolverá “dar o troco”, mas a justiça não falha em “O Tempo Não Para”.

O vilão reuni os cidadãos na praça da Freguesia do Ó e arma uma coletiva de imprensa para denunciar, com documentos falsos, a participação do pai de Marocas em crimes de guerra. Dom Sabino depõe na Justiça, mas não consegue escapar da prisão e acaba preso.

Alguns dias depois, a advogada Vanda (Lucy Ramos) consegue um habeas corpus e Dom Sabino consegue se livrar das grades. Para que ele ganhe liberdade, a moça explica a Marocas que precisa de uma testemunha de suas boas ações nos conflitos.

Marocas pergunta ao pai se algum soldado escreveu um testemunho sobre a época e Dom Sabino se recorda de Dom Obá: “Cândido da Fonseca Galvão. Dom Obá era herdeiro de uma linhagem nobre. Esteve comigo em mais de uma batalha na Guerra Grande. Era um homem culto, filho de africano forro”, relembra.

Durante uma conversa com Eliseu (Milton Gonçalves), Dom Sabino descobre que o avô de seu amigo conhecia o militar. Ele corre para fazer uma busca nos antigos pertences do patriarca e encontra uma carta em que Dom Sabino é descrito como um herói da guerra em que está sendo acusado. O documento é apresentado ao juiz, que declara Dom Sabino inocente.

Acompanhe muito mais na sua Rede Social preferida:

Instagram: @RD1Oficial

Twitter:   @RD1Oficial

Facebook: @RD1Oficial  

Recomendados para Você:

COMENTÁRIOS – Interaja Você Também! ⬇

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. Está opção de comentário NÃO publica automaticamente nada em seu Facebook, fique tranquilo!