Trump quer adiar presidenciais por não confiar no voto por correio

O presidente norte-americano, Donald Trump, evocou, pela primeira vez, a possibilidade de adiar as eleições presidenciais de novembro, alegando a existência de riscos de fraude ligadas à pandemia de covid-19.

“Eu quero que se faça as eleições, mas também não quero esperar três meses e depois descobrir que há boletins de voto perdidos e a eleição não significa nada.”, disse o chefe de Estado numa conferência de imprensa.

“É isso que vai acontecer. É senso comum. E toda a gente sabe disso. Pessoas inteligentes sabem disso. Pessoas estúpidas podem não saber. E algumas pessoas não querem falar sobre isso, mas sabem-no. “, concluiu Trump, perante uma sala cheia de jornalistas.

Depois da conferência, Donald Trump recorreu ao ‘segundo palco’, o Twitter, onde respondeu a criticas e voltou a deixar a sugestão de adiar as eleições.

“Com o voto por correspondência […] 2020 terá as eleições mais inexatas e fraudulentas da história”, escreveu Trump na rede social.

“Será uma verdadeira vergonha para os EUA. Adiar as eleições até que as pessoas possam votar normalmente, com toda a segurança?”, acrescentou.

Em plena pandemia, e a perante uma das maiores crises económicas e sociais do país, Donald Trump centra as atenções no novo coronavíus, na economia, e no dia eleitoral, que vai defender o futuro da casa branca.

Fonte: pt.euronews.com/2020/07/31/donald-trump-quer-adiar-presidenciais-por-nao-confiar-no-voto-por-correio

Coronavírus em Tempo Real