Números da Covid-19 aumentam na Europa

Mesmo com precauções redobradas, a vida continua em Paris. A segunda vaga da Covid-19 parece ter atingido França. , depois de ter ultrapassado os dez mil no sábado.

Monique vem de Estrasburgo e está na capital para visitar a família: “Habitualmente tomo precauções e evito beijos ou abraços, mas esta noite, quando vir os netos, tenho a certeza que me vão correr para o colo e os vou beijar”, conta.

Do outro lado do Canal da Mancha, o número de casos tem também vindo a aumentar: Em Inglaterra, entra hoje em vigor em uma . O governo britânico enviou uma nota aos lares de idosos de todo o país a avisar sobre este aumento da taxa de contágios.

“Penso que todos estão de acordo. Precisamos de agir muito rapidamente para evitar que isto cresça exponencialmente. Esse é o ponto principal: Temos de agir rapidamente, porque é muito mais difícil controlar este tipo de coisas se nos atrasarmos”, diz Peter Openshaw, professor de medicina experimental no Imperial College de Londres

Em Bruxelas, os profissionais de saúde fizeram um protesto exigindo melhores recursos e melhores salários. A Bélgica está também a assistir a um à medida que o país reabre escolas e depois de muitas famílias terem regressado de viagens de férias a países com um número de infeções por Covid-19 mais alto.

Pelo quinto dia consecutivo, a República Checa registou . Estão a ser realizados mais testes do que no início da pandemia, mas o aumento no número casos está entre os mais rápidos da União Europeia.

Entretanto, em Israel foi decretado um , depois de um ressurgimento no número de casos. É o primeiro país a voltar a impor este tipo de restrições à escala nacional.

Fonte: pt.euronews.com/2020/09/14/numeros-da-covid-19-aumentam-na-europa

Coronavírus em Tempo Real