Argentina limita compra de dólares e cria imposto para evitar evasão

Foto: Reprodução Alberto Fernández 16 de setembro de 2020 | 09:26 mundo

O governo argentino endureceu ainda mais o controle para a compra de dólares, e criou um novo imposto de 35% para gastos em cartão de crédito com a moeda norte-americana. A medida entra em vigor nesta quarta-feira (16) e vai até 31 de dezembro.

O Banco Central argentino informou que o objetivo é preservar reservas para destiná-las às “necessidades de produção, mas não continuar subsidiando as compras para poupança”. Segundo Miguel Pesce, diretor do BC, há 12 semanas as reservas do país têm caído de forma contínua e elevada.

No fim da gestão Macri, a compra mensal de dólares por pessoa foi limitado para US$ 200. Este segue vigente, porém haverá aumento no preço pelo qual se paga pela moeda nas casas de câmbio.

Folha de S.Paulo

Fonte: politicalivre.com.br/2020/09/argentina-limita-compra-de-dolares-e-cria-imposto-para-evitar-evasao

Coronavírus em Tempo Real