Mulher-Maravilha 1984: como era o trailer que só quem estava na CCXP viu

A CCXP acabou com chave de ouro na edição de 2019! É que o último painel da maior feira de cultura pop do mundo foi o de ninguém mais, ninguém menos que Mulher-Maravilha. Pela primeira vez na história do evento, um painel foi transmitido ao vivo nas redes sociais, mas quem estava lá não ia perder a chance de ter algumas vantagens exclusivas, não é mesmo? Como já tinha prometido, a Warner Bros. revelou neste domingo (8) o primeiro trailer de Mulher-Maravilha 1984, o segundo longa sobre a heroína, mas quem estava na CCXP pode ver uma versão estendida do vídeo, com um minuto a mais do que o que foi divulgado para o resto do mundo! Primeiro, que tal ver o trailer oficial?

Ficou incrível, né? E, como esperado, o trailer trouxe ainda mais detalhes sobre os vilões Mulher-Leopardo (Kristen Wiig) e Max Lord (Pedro Pascal), além, claro, de mostrar que Steve Trevor (Chris Pine) está MESMO de volta. Como isso é possível? Ainda não sabemos.

Agora vem descobrir o que a gente viu que não está na internet! Na versão exclusiva exibida apenas na CCXP, foi possível ver mais da batalha entre Max Lord e Diana. No momento em que a equipe do empresário que tem o poder de controlar a mente das pessoas começa a atirar na Mulher-Maravilha, a heroína roda o Laço da Verdade criando uma espécie de escudo para se livrar das balas, além de atirar sua tiara como se fosse um bumerangue em direção a eles. Diana tenta pegar o vilão enquanto ele foge, mas algo a puxa para trás e então aparece a Mulher-Leopardo vestindo o mesmo look do pôster que foi divulgado na CCXP. Eita!

Já naquela cena final do trailer, quando vemos Diana e Steve no que parece ser um deserto cheio de caminhões, a mulher salva seu amado de uma bala lançada diretamente no rosto dele. Quando o projétil está perto de acertar a cara do piloto, Diana consegue enroscar seu laço na bala e mudar a rota dela. Ufa! Logo em seguida, ela separa dois tanques que tentam esmagá-la com as pernas e as costas. Poderosíssima!

O PAINEL

É claro que o painel de Mulher-Maravilha 1984 na CCXP teve muito mais do que somente o trailer, né? Assim que chegavam ao auditório, todos os convidados recebiam dois braceletes que se iluminavam junto com a música do local e ficavam dourados sempre que alguém dizia a palavra “maravilha” no microfone. Rs.

Só esses acessórios já foram o bastante para animar o evento, e assim que a diretora Patty Jenkins subiu ao palco, arriscando um “Oi, São Paulo! É muito bom estar aqui” em português, a galera foi à loucura! Como já falamos, Patty revelou em primeira mão alguns pôsteres do novo filme, mostrando como estarão a Mulher-Leopardo, Max Lord e Steve Trevor no longa. Por falar em Steve, a diretora explicou um pouco de que raios ele está fazendo na produção já que (AVISO DE SPOILER!!!) ele morre no primeiro longa.

“Eu não posso contar como ele aparece, mas digo uma coisa: nós não colocamos o Steve Trevor nesse filme simplesmente porque queríamos. Quando pensamos na história para esse filme, sabíamos que ela não poderia ser contada sem Steve Trevor. Prometo que não é uma artimanha. Ele está intricado à trama. Foi ótimo ter o Chris Pine de volta, mas ele também é muito importante para o roteiro”, garantiu ela. O que será que vem aí, hein?

Em seguida, foi a vez do público receber Gal Gadot, a Mulher-Maravilha em pessoa, no palco! A atriz veio acompanha de um grande grupo de cosplayers da heroína. “Uau!”, foi a primeira reação dela, junto com um “vocês estão maravilhosos esta noite”.

A atriz já chegou explicando qual é a ideia desse novo projeto. “No primeiro filme, a gente contou como Diana se tornou a Mulher-Maravilha. Neste novo longa, a Diana está em 1984, se sente sozinha porque perdeu todos os seus amigos ao longo dos anos, e está ajudando a humanidade, como sempre, até que algo louco acontece com ela”, entregou.

Gal comentou também sobre o novo look dourado de sua personagem, que já tínhamos visto no primeiro pôster do filme. “Quando você se olha no espelho com aquela armadura dourada, se sente linda. Mas na hora que a coloca no corpo, vou te dizer que é outra história. Não é nada confortável, mas o esforço valeu a pena”, garantiu. Perfeita, né?

Quem ficou ansiosa? Mulher-Maravilha 1984 estreia em 4 de junho de 2020. Passa logo, tempo!

Fonte: capricho.abril.com.br/famosos/mulher-maravilha-1984-como-era-o-trailer-que-so-quem-estava-na-ccxp-viu