MPF usará depoimento de Palocci como teste para possível delação

O Ministério Público Federal em Brasília usará o depoimento de Antonio Palocci marcado para o dia 20 de novembro, na capital, para medir o quanto ele pode ser útil à Operação Zelotes.

Os procuradores estão ávidos por informações relacionadas à venda de medidas provisórias durante o governo Lula e acreditam que, durante a audiência de do mês que vem, o ex-ministro deixará claro o quanto pode e quer colaborar com a investigação.

Se ele der uma boa palhinha do que sabe, como fez tempos atrás para Sergio Moro, abrirá caminho para negociar sua delação com o MP, embora suas tratativas com a Polícia Federal já estejam avançadíssimas.

Fato é: os procuradores em Brasília adorariam chegar a um entendimento com Palocci.