MP expede recomendação à direção do Hospital Unimed em Teresina

O Ministério Público do Piauí, através da 32ª Promotoria de Justiça de Teresina, expediu recomendação à direção do Hospital Unimed Primavera.

As melhorias solicitadas pela instituição ministerial foram embasadas em relatório de inspeção sanitária, realizada pela Vigilância Sanitária Estadual, que apontou uma série de irregularidades na unidade de saúde. As correções dos problemas encontrados foram divididas em cinco grupos com prazos que variam entre 15 e 90 dias para sanar as deficiências.

Segundo o órgão ministerial, as primeiras irregularidades a serem resolvidas são: o cumprimento de diretrizes de identificação do paciente e das embalagens das medicações dispensadas pelas farmácias; manutenção do carro de parada cardiorrespiratória na UTI Pediátrica, providenciar a licença sanitária atualizada, e outros.

De acordo com o MPPI, em até 30 dias, a administração do hospital deve preparar um ponto de esgoto para o escoamento dos efluentes da hemodiálise; elaborar, implantar e disponibilizar aos funcionários protocolo de limpeza e desinfecção de equipamentos, materiais e superfícies no setor; realizar o planejamento interdisciplinar para intervenções cirúrgicas, conforme complexidade e grau de risco para o paciente.

No prazo de 90 dias, a gestão do Unimed Primavera precisa confeccionar e implantar o Plano de Gerenciamento de Tecnologias em Saúde; adequação das estruturas físicas das salas de desinfecção química, e de recepção de limpeza, conforme as normas estabelecidas na RDC 50/2002 da Anvisa – Agência Nacional de Vigilância Sanitária.  

O Unimed Primavera tem 15 dias para informar ao Ministério Público do Piauí quais as providências foram, ou, serão adotadas para ajustar suas atividades à legislação vigente, acompanhadas dos documentos comprobatórios, bem com os esclarecimentos que o hospital julgar adequado.

Outro lado

Procurada pelo Viagora  sobre o assunto, a direção do Hospital Unimed Primavera enviou uma nota de esclarecimento:

Com relação à notificação do Ministério Público do Piauí ao Hospital Unimed Primavera (HUP), publicada nesta semana, a Unimed Teresina informa que tem o caráter de recomendações e que enviou ao MP, bem antes do prazo, todas evidências solicitadas, além dos planos de ação, com cronograma, para melhorias na estrutura e saneamento do hospital.  O HUP se adiantou em apresentar, ainda, os pré-projetos de obras que têm previsão orçamentária e corroboram com as melhorias indicadas, demonstrando o seu comprometimento com a qualidade e busca por progresso contínuo.  Importante ressaltar que o HUP possui licença de funcionamento e que as recomendações solicitadas pelo MP não impedem os serviços do hospital e não apresentam riscos aos pacientes.  A equipe do HUP se coloca à disposição para qualquer esclarecimento através dos canais oficiais da Cooperativa.

Fonte: www.viagora.com.br/noticias/mp-expede-recomendacao-a-direcao-do-hospital-unimed-em-teresina-77417.html