MP acompanha Plano de Contingência da maternidade Evangelina Rosa

O Ministério Público do Piauí realizou na manhã dessa quarta-feira (07) a 4ª reunião do grupo que acompanha as ações do Plano de Contingência da Maternidade Dona Evangelina Rosa. O grupo é composto por diversos órgãos e instituições, dentre os quais estão o Ministério Público do Piauí, a Secretaria de Estado da Saúde e o Conselho Regional de Medicina do estado.

A reunião deu início com o representante do MPPI falando sobre a importância de oferecer à população um serviço de saúde pública de qualidade, em seguida o corregedor do Conselho de Medicina, Dagoberto Silveira, apresentou os resultados de uma vistoria realizada na maternidade no último dia 26 de julho. O levantamento mostrou pontos positivos e negativos como estrutura física precária, fiação elétrica exposta, obras inacabadas, insumos de péssima qualidade, leitos sem colchão, falta de profissionais para as escalas, reclamações sobre qualidade da alimentação fornecida às mães entre outras queixas.

As autoridades têm trabalhado para dar mais celeridade aos procedimentos da unidade e ficou acordado que nos próximos dias a direção da Maternidade Dona Evangelina Rosa deverá encaminhar à 12ª Promotoria de Justiça um processo licitatório de reformas no local. O Ministério Público também solicitará ao Conselho Regional de Nutrição a realização de uma inspeção na maternidade para verificar os alimentos oferecidos aos pacientes e funcionários. Por último, a Sesapi também deverá enviar cópia de alguns processos licitatórios sobre as reformas.

Fonte: www.viagora.com.br/noticias/mp-acompanha-plano-de-contingencia-da-maternidade-evangelina-rosa-75917.html