Menino veste azul, menina veste rosa e brasileiro veste camisa de força

Ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves teve 43% de avaliação bom/ótimo numa ampla pesquisa sobre o governo Bolsonaro. Ficou atrás apenas do ministro Sergio Moro e deixou Paulo Guedes comendo poeira. A ministra, que inaugurou as declarações bizarras do governo Bolsonaro atribuindo cores específicas aos gêneros, já declarou ter “mestrado bíblico” e afirmou que, em eventos não conservadores, meninas introduzem crucifixos na vagina. O resultado da pesquisa deixou psiquiatras em alerta e a indústria de camisas de força otimista para 2020.

 Fonte: veja.abril.com.br – Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil