Ingressos para a Copa América: filas e reclamações em SP

Informações desencontradas, reclamações e longas filas. Os torcedores que compraram ingressos para a Copa América vêm sofrendo para conseguir receber seus bilhetes no Memorial da América Latina, único ponto de retirada em São Paulo, que funciona das 10h às 20h, incluindo fins de semana e feriados. Nesta quinta-feira, 13, véspera da estreia entre Brasil e Bolívia, no Morumbi, cada comprador teve de esperar cerca de duas horas e meia para ser atendido.

Tabela completa de jogos da Copa América 2019

A maioria dos torcedores não vestia as cores da seleção brasileira, mas ternos, roupas sociais e até jalecos. O horário de almoço do trabalho foi a única alternativa para os que deixaram para retirar os bilhetes nesta quinta. “Eu nem deveria estar aqui, precisava estar atendendo no hospital”, disse um médico que resolveu encarar a fila. Muitos torcedores, por causa do longo tempo de espera, desistiram, pois tinham de retornar ao trabalho. “Não esperava essa fila, não me programei para isso. Agora vou ter de voltar para o trabalho, não tenho o que fazer”, reclamou o torcedor.

A retirada dos ingressos teve início em maio, mas a maioria dos torcedores deixou para a última hora e enfrentou problemas. Para retirar o ingresso, é preciso levar o voucher impresso, documento com foto e o cartão de crédito utilizado na compra pelo site. Aqueles que adquiriram meia-entrada precisam apresentar a carteirinha, e o bilhete é nominal. Após isso, é tirada uma foto do torcedor segurando o documento e o cartão.

“Esperava que eu iria chegar, pegar o ingresso e ir embora. Poderia ter pelo menos uns três pontos de retirada por cidade, no mínimo, para facilitar… um só é complicado”, reclamou o torcedor Luiz Carlos Júnior, que estava em horário de almoço. Os únicos presentes que estavam animados na fila trajavam uniformes de seleções estrangeiras, como peruanos, uruguaios, bolivianos, chilenos e venezuelanos.

Os organizadores detalharam que as longas filas são comuns desde o início dessa semana e alegam que a demora é causada por medidas de segurança. “É uma burocracia necessária para evitar ação de cambistas. São medidas para que o torcedor se sinta seguro. Recomendamos que o torcedor vá aos centros de retirada o quanto antes. Quanto mais perto do jogo, as filas podem ser maiores”, afirmou Thiago Jannuzzi, gerente-geral de Competição da Copa América.

Além de São Paulo, os torcedores podem retirar ingressos em outras quatro cidades: Belo Horizonte, Porto Alegre, Rio de Janeiro e Salvador, que também sediarão jogos da Copa América. Desde sábado, os locais também passaram a funcionar como pontos físicos para a venda de bilhetes.

Pontos de retirada de ingresso:

São Paulo: Memorial da América Latina – Avenida Auro Soares de Moura Andrada, 664.

Belo Horizonte: Boulevard Shopping – Avenida dos Andradas, 3000, loja 2034.

Porto Alegre: Shopping dos Navegantes – Rua Frederico Mentz, 1561, lojas 103, 104 e 105 C.

Rio de Janeiro: Bondinho do Pão de Açúcar – Avenida Pasteur, 520.

Salvador: Shopping Bela Vista – Alameda Euvaldo Luz, 92, lojas 102 e 103.

(com Estadão Conteúdo)

Fonte: veja.abril.com.br/placar/ingressos-para-a-copa-america-filas-e-reclamacoes-em-sp