Campeonato Brasileiro pode começar no início de agosto; CBF aguarda aval das autoridades de saúde

Por: FOX Sports – Foto: Lucas Figueiredo / CBF

Na noite da última quinta-feira (26 de junho), a Confederação Brasileira de Futebol emitiu um comunicado oficial informando os dados armazenados no início do Campeonato Brasileiro da Série A no dia 9 de agosto. A liberação oficial depende ainda da avalição final das autoridades de saúde do país. Ainda de acordo com o CBF, 19 dos 20 clubes da primeira divisão aceitam jogar em suas cidades, sinalizando um acordo futuro. 

Ainda no dia 16 de maio, Vagner Martins, repórter dos canais FOX Sports, forneceu informações exclusivas sobre o respeito ao retorno do futebol nacional. Segundo a apuração de Vagner Martins, um CBF pensava no mesmo mês de agosto como um dado viável para consolidar o início do Campeonato Brasileiro. No entanto, o repórter trouxe ainda uma série de outras informações sobre o respeito dos cuidados de prevenção contra a covid-19 por parte dos funcionários, atletas e demais pessoas usadas com partidas. 

A ideia do CBF e dos clubes é que o futebol retorne no final de julho e no início do mês de agosto. Os dados são apenas uma previsão, uma vez que o CBF aguarda a autorização do Ministério da Saúde e outros órgãos de segurança do país. Os portões seguem fechados, com uma equipe entrando antes de outra. Sem intervalo, uma ordem de retorno dos tempos ao inversor de campo. Todos os atletas passariam por testes 48 horas antes das partidas para evitar ou controlar a contaminação do vírus. 

Sobre como pessoas envolvidas na partida de futebol, todas passam por testes de temperatura, em uma espécie de serviço de triagem, com o mesmo intuito dos atletas. Com relação à arbitragem, conforme as escalas regionais. Isso evita viagens de longas distâncias. O árbitro de vídeo não está bloqueado no estádio. O serviço será realizado em escritórios para os estádios. 

O acesso à imprensa será reduzido ao extremo, com apenas funções básicas de transmissão com acesso ao local. No caso dos atletas, como regras ainda são mais rígidas. Os jogadores serão orientados a não se envolver após os gols e também não poderão tomar banhos nos vestiários, indo para casa após a partida, levando como roupas usadas nos jogos para roupas lavadas em casa. 

Coronavírus em Tempo Real