Associação de shoppings recomenda uso obrigatório de máscara | Radar

O Brasil registra hoje 99 shopping centers em operação após o fechamento necessário em decorrência da pandemia do novo coronavírus. Eles se encontram espalhados por 54 cidades de 10 estados brasileiros. Há outros 478 dependendo de definições locais para iniciar a reabertura.

Para garantir a segurança de frequentadores e funcionários, um protocolo com mais de 20 medidas foi criado pela Associação Brasileira de Shopping Centers (Abrasce). Os pontos foram criados a partir de experiências internacionais, boas práticas de outros setores e também com recomendações de especialistas da saúde.

O protocolo recomenda o uso obrigatório de máscaras dentro dos estabelecimentos, fechamento de cinema e teatros, diminuição de 50% da capacidade de praças de alimentação e de estacionamentos, redução do horário de atendimento e uso de termômetros para medir a temperatura de clientes. Para divulgar a iniciativa, a associação lançou uma campanha – confira no vídeo abaixo.

Continua após a publicidade

O presidente da Abrasce, Glauco Humai, afirma que os shoppings têm plena capacidade de operar de forma segura. “O nosso lema agora é higienização total e aglomeração zero. Temos segurança para receber todos de maneira gradual, onde conseguimos colocar a saúde e a economia no mesmo lado, por meio das medidas de segurança que criamos”, definiu o executivo da entidade.

O setor conta com 105 mil lojistas, gera três milhões de emprego e faturou R$ 192 bilhões em 2019. Com as medidas de isolamento social, já deixou de arrecadar R$ 25 bilhões. Para contornar a situação, a Abrasce cobra do governo federal a abertura de linhas de crédito aos lojistas e administradores. “Há um descompasso entre os anúncios do governo e o que efetivamente é oferecido”, explica Humai.

Fonte: veja.abril.com.br/blog/radar/associacao-de-shoppings-recomenda-uso-obrigatorio-de-mascara