E-commerce digital tem faturamento de R$ 6,2 bi em outubro

Dados da consultoria Compre & Confie, empresa de inteligência de mercado focada em e-commerce, mostram que os brasileiros estão cada vez mais dispostos a gastar.

Em outubro, o volume de vendas a partir de plataformas digitais bateu em 15,2 milhões de pedidos, aumento de 30% em relação a outubro de 2018.

Para André Dias, diretor executivo do Compre & Confie, além da tendência de alta habitual do e-commerce, a explicação para o resultado está na maior confiança do consumidor.

“Em outubro do ano passado tivemos eleições e o ambiente de incerteza pode ter contribuído para o ritmo menos acelerado de vendas”, destaca.

A maior parte das compras foi feita por consumidores de 36 a 50 anos (34,1% dos pedidos realizados). Em segundo lugar, estão os consumidores que têm entre 26 e 35 anos (33%) e, em terceiro lugar, os mais jovens que têm até 25 anos (18,4%).

Os segmentos que mais venderam foram: Moda e Acessórios (19,2%), Beleza, Perfumaria e Saúde (14,1%), Entretenimento (13,6%), Artigos para Casa (7,9%) e Telefonia (7,1%).

Já em relação às categorias que geraram maior faturamento, o “Top 5” fica estruturado da seguinte forma: Telefonia (17,4% do montante gerado), Eletrodomésticos e Ventilação (16,9%), Entretenimento (12,3%), Informática e Câmeras (10,3%) e Moda e Acessórios (10,1%).

Fonte: veja.abril.com.br/blog/radar/e-commerce-digital-tem-faturamento-de-r-62-bi-em-outubro