Washington seguiu o caminho que achou mais viável, diz Mário Rogério

Nessa segunda-feira (23), o presidente do Cidadania no Piauí, o jornalista Mário Rogério, declarou ao Viagora que compreende a movimentação política adotada por Washington Bonfim ao filiar-se no PSB. O professor era pré-candidato a governador pelo partido, mas retirou sua candidatura devido a federação com o PSDB que decidiu apoiar Sílvio Mendes.

O jornalista Mário Rogério avaliou como natural a migração política de Bonfim, a decisão do professor foi adotada devido as condições que o levaram a sua retirada de pré-candidatura.

Foto: Luis Marcos/ Viagora

Candidato a Prefeito Mario Rogerio
Candidato a Prefeito Mario Rogerio
Mário Rogério

“Eu acho natural porque na verdade a forma como se deu a obrigatoriedade da retirada do nome dele da disputa fez ele avaliar que naquele momento ele não tinha condições possíveis politicas de apoiar o ex-prefeito Sílvio Mendes, de quem alias ele foi secretário de Educação. Eu entendo acho que ele tomou o caminho que ele achou naquele momento que era o mais viável, correto para ele”, pontua.

Além disso, Mário Rogério declarou que não discorda da posição de Washington Bonfim, mas afirmou que o desejo do Cidadania era estar com o nome do professor nas ruas.

“Ele hoje é um anti-bolsonarista convicto colocou isso como uma das questões que o levou ao PSB, coligado com o PT, e penso que foi uma decisão pessoal que ele tomou, claro muito em função do que aconteceu, o que nós gostaríamos no Cidadania é estar hoje com o nome de Washington Bonfim nas ruas. Não tendo sido criado a condições políticas que fizesse com que isso acontecesse a decisão era dele de tomar o rumo que ele achasse melhor. Eu não discordo, quero deixar isso muito bem claro, não discordo de jeito nenhum da posição do Washington Bonfim, tanto não discordo como estive na solenidade de filiação dele”, finaliza.

Fonte: www.viagora.com.br/politica/noticia/2022/5/24/washington-seguiu-o-caminho-que-achou-mais-viavel-diz-mario-rogerio-96183.html