Copa América: Messi tenta evitar sua maior humilhação com a seleção

PORTO ALEGRELionel Messi nunca venceu um título com a Argentina. Apesar de não ainda não ter conseguido encerrar o jejum de 26 anos sem títulos de sua seleção, o atacante já levou a equipe a uma final de Copa do Mundo e outras três decisões de Copa América – ficou com vice em todas elas. Na edição deste ano do torneio continental, tenta evitar um vexame pelo qual nunca passou nas outras oito vezes que disputou uma competição oficial pelo país: ser eliminado ainda na primeira fase. Para impedir a vergonha histórica, os “hermanos” precisam vencer o Catar neste domingo, às 16h, na Arena do Grêmio. A partida terá transmissão na TV fechada pelo SporTV.

“Será uma loucura não classificar. Estamos passando por um momento complicado, mas estamos mentalizados em poder ganhar”, afirmou o camisa 10 após o empate contra o Paraguai, no Mineirão. “O grupo está doído, mas com a confiança de que vamos passar. Estamos convencidos de que vamos ganhar do Catar”, completou.

Tabela completa da Copa América 2019

As dificuldades que a Argentina enfrentou nos dois primeiros jogos foram motivo de preocupação para o técnico. Lionel Scaloni relevou que está preocupado com a chance da seleção ser eliminada na primeira fase – algo que não acontece desde a Copa América de 1983 – e estudou muito o Catar para conseguir a primeira vitória no torneio.

“Trabalhamos muito no que vai ser a partida. A verdade é que temos que deixar para trás as partidas que jogamos, sem esquecer dos erros, e pensar no que vamos enfrentar. A situação não está de todo ruim, porque se ganharmos estamos na próxima fase”, disse na coletiva de imprensa na véspera da partida.

Scaloni considerou ter “sorte” por ainda ter chances de classificação depois de uma derrota e um empate na Copa América. O treinador classificou que a má fase se dá pela falta de experiência e consistência da equipe. “Temos uma equipe jovem, muitos jogando a Copa pela primeira vez. Esperamos um resultado positivo para que se a equipe consolide. É a missão que temos. Vai ser difícil. Hoje em dia não se ganha fácil de ninguém”, afirmou.

Mesmo que vença, a Argentina ainda pode ficar no terceiro lugar da chave e enfrentar o Brasil já nas quartas de final em caso de uma combinação de resultados. A Colômbia já garantiu a primeira colocação do grupo B. Lionel Messi e companhia só ficam em segundo se o Paraguai não vencer o duelo contra os colombianos. Se tropeçar contra o Catar, os argentinos estarão eliminados.

Fonte: veja.abril.com.br/placar/copa-america-messi-tenta-evitar-o-sua-maior-humilhacao-com-a-selecao