Técnica de enfermagem suspeita de desviar vacinas de indígenas é indiciada no Maranhão

Durante o dia 17 de março, a Polícia Federal instaurou um inquérito, para averiguar a conduta de uma técnica de enfermagem da Saúde Indígena do Polo Base de Barra do Corda, que estava desviando as doses da vacina (Coronavac) que era destinada a imunização dos índios contra a covid-19 e aplicou em três familiares.

Uma equipe da Polícia Federal se dirigiu até os Municípios de Barra do Corda e Jenipapo dos Vieiras com o intuito de colher os depoimentos dos envolvidos. Em depoimento a polícia, a técnica de enfermagem que não teve sua identidade revelada, contou que fez o desvio das doses para os parentes e eles confirmaram a história.

Com a investigação foi constado que um enfermeiro que ela estava subordinada, acompanhou a vacinação indevida da técnica de enfermagem, inclusive fazendo os registros da vacinação irregular.

Desta forma, a Polícia Federal indiciou os dois no crime de peculato, entretanto o enfermeiro foi indiciado também por omissão imprópria, pois tinha o dever de agir contra a vacinação irregular.

Fonte: oimparcial.com.br/policia/2021/04/tecnica-de-enfermagem-suspeita-de-desviar-vacinas-de-indigenas-e-indiciada-no-maranhao