Suspeitos de linchar assaltante em 2015 são absolvidos pela Justiça

Nesta terça-feira (1º), foram absolvidos pela Justiça três dos nove suspeitos de estarem envolvidos no ato de linchamento registrado em julho de 2015, contra um homem de 29 anos identificado como Cleidenilson Pereira da Silva e agressão a um adolescente, no bairro Jardim São Cristóvão, na Capital Maranhense.

Leia também: Ex-jogador do MAC morre após acidente na MA-201

As agressões foram feitas mediante uma tentativa de assalto a um bar, Cleidenilson foi amarrado em um poste por populares e agredido até a morte e o adolescente que estava com ele também foi agredido. Cinco anos depois do ocorrido, a Justiça deu início ao julgamento.

Os três dos nove réus que respondem pelo processo de homicídio foram absolvidos mediante o júri entender que não haviam provas comprobatórias suficientes para condená-los. Além disso, os demais réus do caso serão julgados na próxima quinta-feira (3).

Eles respondem pelos crimes de homicídio contra Cledenilson e tentativa de homicídio e homicídio duplamente qualificado por meio cruel e sem chance de defesa contra o adolescente. Segundo o Ministério Público do Maranhçao, Cledenilson Pereira não possuía passagens pela polícia e não tinha respondido a nenhum processo na Justiça.

No dia 15 de julho de 2015, Cleidenilson juntamente com o menor de idade anunciou um assalto a mão armada em um bar cujo proprietário é um dos réus, quando foram interceptados por outro réu que estava no local, que o empurrou com uma mesa.

Em seguida dois homens, também réus, impediram o assaltante de efetuar disparos com a arma de fogo. O menor ainda tentou fugir do local de bicicleta, mas foi derrubado e depois começou a ser agredido.

Segundo a Polícia Civil, o menor foi agredido também com uma garrafada na cabeça, tendo que se fingir de morto para que não fosse mais violentado.

Fonte: oimparcial.com.br/noticias/2020/12/suspeitos-de-linchar-assaltante-em-2015-sao-absolvidos-pela-justica

Coronavírus em Tempo Real