Regional de Marabá busca conscientizar sobre os riscos do tabagismo e alcoolismo

Foto: Divulgação

Palestra educativa integra o programa de qualidade de vida do colaborador, voltado para a disseminação de informações sobre saúde e bem-estar

O Hospital Regional do Sudeste do Pará – Dr. Geraldo Veloso (HRSP), em Marabá, promoveu na última quinta-feira (15), palestras educativas de conscientização para seus colaboradores sobre prevenção e combate ao tabagismo e alcoolismo.

A iniciativa da unidade, que pertence ao Governo do Estado e é gerenciada pela Pró-Saúde, integra o programa de qualidade de vida do colaborador, que visa disseminar informações sobre saúde e bem-estar aos profissionais que atuam na instituição.

Segundo Thiago Pereira, psicólogo do setor de gestão de pessoas do HRSP, a iniciativa tem como objetivo abrir um espaço positivo para que os colaboradores repensem suas práticas de vida e saúde, e se atentem para formas de cuidado que irão ajudar a enfrentar adversidades.

“Infelizmente, para tentar superar momentos de dificuldade, muitos buscam alívio no álcool, cigarro e outras drogas, trazendo para si diversos problemas de saúde. Por isso, ações de prevenção são fundamentais para alertar sobre os malefícios do uso indevido dessas substâncias”, destacou o profissional.

O tabagismo causa cerca de 50 doenças diferentes, como por exemplo o câncer de pulmão e laringe, bronquite crônica, hipertensão e o infarto. Já o álcool pode provocar ansiedade e depressão, cirrose, pancreatite, gastrite, entre outras doenças. “São muitos prejuízos para a saúde de quem faz uso dessas substâncias”, alertou Thiago.

De acordo com o especialista, ao parar de fumar, por exemplo, o indivíduo apresenta melhora no olfato, paladar e respiração, além de reduzir o risco de infarto. “No caso das bebidas alcóolicas, a redução do consumo contribui para diminuição dos níveis de ansiedade e colesterol, para o bom funcionamento hepático, melhora da capacidade cognitiva, motora e da memória”, explicou o psicólogo.

Valdemir Girato, diretor hospitalar do Regional de Marabá, reforça que as ações desenvolvidas pela equipe de saúde do trabalhador, junto às demais equipes do hospital, geram bons resultados e repercussão positiva.

“Investimos no cuidado da saúde dos nossos colaboradores, sabemos da importância do trabalho que realizamos para a sociedade. É essencial que os profissionais estejam saudáveis para lidar com a saúde de nossos usuários. É um trabalho contínuo que contribui positivamente para o atendimento de excelência que prestamos ao povo paraense”, explicou Valdemir.

O Sistema Único de Saúde (SUS) oferece em todo país atendimento gratuito às pessoas que sofrem com o alcoolismo ou dependência química, por meio dos Centros de Atenção Psicossocial (CAPS), que integram uma rede de assistência especializada.

Fonte: Ascom/HRSP