Bolsonaro demite general dos Correios por ato com PT, revelado por Radar

Em conversa com jornalistas nesta sexta, o presidente Jair Bolsonaro anunciou a demissão do presidente dos Correios, general Juarez Aparecido de Paula Cunha, por “comportamento de sindicalista”.

Essa história foi revelada pelo Radar na semana passada. Na quarta-feira, dia 5, ele compareceu a uma comissão da Câmara e criticou a privatização, elogiou projetos de lei de um deputado petistas, posou com parlamentares do PT e sindicalistas, que o aplaudiram várias vezes.

No dia, ele disse:

“Não queria falar da privatização. Se privatizar, será (vendida) uma parte dos Correios que será o lado bom. Vai tirar e vai faltar lá. quem vai pagar essa conta?! É uma empresa estratégica, autossustentável, insubstituível. Uma empresa cidadã, orgulho do Brasil”.

Foi intensamente aplaudido pela plateia de servidores, petistas e sindicalistas presente.

Fonte: veja.abril.com.br/blog/radar/bolsonaro-demite-general-dos-correios-por-ato-com-pt-revelado-por-radar