Por que a CNN está demitindo grandes jornalistas? Veja quem já rodou

O mês começou demissões em massa na CNN Brasil. Além de demitir grandes jornalistas, a emissora fechou, nesta quinta-feira, 1º, a filial no Rio de Janeiro. Apresentadores como Monalisa Perrone, Glória Vanique, Marcela Rahal e Sidney Rezende estão entre os que foram dispensados do canal.

São 125 demitidos, dos quais cerca de 100 são contratados como pessoa jurídica e 25 tinham registro em carteira. Dentre eles estão: Monalisa Perrone, Gloria Vanique, Marcela Rahal, Sidney Rezende, Leandro Karnal e Kenzô Machida, o diretor de jornalismo de televisão João Beltrão e as repórteres Bruna Ostermann e Danúbia Braga também estão entre os dispensados.

A reestruturação da CNN já era algo sinalizado desde que o empresário João Camargo, fundador do Esfera Brasil, foi nomeado CEO da emissora após o pedido de demissão da presidente executiva do veículo, Renata Afonso. De acordo com a revista Veja, “fontes internas na companhia afirmaram que o foco será fazer investimentos com ‘mais inteligência’ daqui para frente”.

Atualmente, mais de 90% da equipe de jornalismo da CNN Brasil está em São Paulo e apenas cerca de 2% em Brasília. As mudanças da emissora visam fortalecer e concentrar na cobertura no Planalto Central.

Ainda segundo apurado pela revista Veja, “a empresa quer que, num futuro breve, grande parte das despesas previstas em seu orçamento passem a ser provenientes do jornalismo, algo que não acontece hoje”.

Em nota, a CNN afirmou que “em linha com a estratégia de fortalecimento do jornalismo, a coordenação da cobertura será concentrada em São Paulo e Brasília, duas praças que ganham relevância dado o contexto político e econômico nacional. Em decorrência dessa nova lógica, a newsroom do Rio de Janeiro será desativada, sem prejuízo à cobertura. As mudanças incluem a readequação de programas, assim como da grade. O selo CNN Soft será remodelado para 2023”.

“Aos colegas que deixam a empresa, manifestamos o nosso profundo respeito e gratidão. A dedicação e o trabalho de cada um foram fundamentais para a construção e consolidação da CNN Brasil”, continuou a emissora”.

“Decisões como essas exigem coragem, determinação e visão de futuro. As mudanças irão adequar a empresa ao novo cenário da indústria de mídia e abrirão espaço aos investimentos necessários para seguir entregando o jornalismo independente, relevante e de alta qualidade, marca registrada da CNN”, afirmou a CNN Brasil.

“Este é o nosso compromisso com todos os colaboradores, com o mercado e com os milhões de brasileiros que confiam na CNN Brasil para tomar as melhores decisões”, finalizou.

Veja também: Jornalista da CNN é demitido minutos antes de entrar no ar

Fonte: https://catracalivre.com.br/entretenimento/por-que-a-cnn-esta-demitindo-grandes-jornalistas-veja-quem-ja-rodou/