Bafos e Fofocas

Anitta chega ‘superanimada’ ao Grammy e espera reverter derrota brasileira de 1965

A cantora Anitta está superanimada com o Grammy e espera ganhar o prêmio que sua compatriota Astrud Gilberto, a voz que imortalizou “Garota de Ipanema”, perdeu. Já se passaram anos desde a última vez que uma artista brasileira foi indicada a uma das principais categorias da premiação. “Eu recebi essa nomeação com muita alegria e estou super animada”, contou Anitta em entrevista. “Imagina, a última vez que uma brasileira foi indicada a uma das quatro categorias principais do Grammy foi em 1965!”, comentou a sensação global, se referindo a Gilberto, que levou a bossa nova para o mundo. Na época, a ex-esposa de João Gilberto ganhou o Grammy de melhor gravação do ano com Stan Getz, mas os Beatles ficaram com o troféu de artista revelação. A cantora, de 29 anos, que concorre a artista revelação, virou um fenômeno global no ano passado com o seu enorme sucesso “Envolver” – a música estabeleceu um recorde no Spotify e sua coreografia desafiadora abalou o TikTok com milhares de vídeos e foi reproduzida mais de 100 milhões de vezes nas semanas seguintes ao lançamento.

“Enquanto mulher brasileira e latina, uma nomeação como essa é muito representativa e me enche de orgulho”, diz ela. “Já conquistei muito além do que eu poderia um dia sonhar”, disse ao refletir sobre sua trajetória. “Nada tira meu sono com relação a minha carreira”, acrescentou. No dia 5 de fevereiro, Anitta chega ao Grammy com a esperança de ser nomeada como a melhor artista revelação, na cerimônia realizada em Los Angeles. Ela vai competir com figuras como Omar Apollo, Måneskin e Samara Joy, entre outras celebridades. Com mais de uma década de carreira, a estrela está longe de ser uma novidade, mas vê sua entrada no mercado americano quase como um recomeço.

*Com informações da AFP

Fonte: https://jovempan.com.br/entretenimento/famosos/anitta-chega-superanimada-ao-grammy-e-espera-reverter-derrota-brasileira-de-1965.html