Astro diz que fumou maconha para suportar jantar com Trump

Nada é tão indigesto quanto comida estragada? Para o astro Woody Harrelson, algumas companhias chegam perto de provocar o mesmo efeito. O ator conhecido pelo papel do mentor Haymitch Abernathy em Jogos Vorazes viveu uma experiência que considerou de embrulhar o estômago em 2002. Em entrevista à revista americana Esquire, o astro revelou ter ido a um jantar com Donald Trump. Mas nem os pratos requintados servidos no banquete na Trump Tower, prédio do magnata em Nova York, foram suficientes para que ele engolisse o narcisismo do presidente dos Estados Unidos livre de entorpecentes – o jeito, revelou Harrelson na entrevista, foi dar uma escapada para fumar um “baseado”.

Na época, Harrelson foi convidado pelo amigo Jesse Ventura, então governador do Minnesota, para acompanhá-lo no compromisso político – Trump já cogitava concorrer à presidência e Ventura era sondado para vice. “Nos encontramos na Trump Tower e nos sentamos. Melania estava lá, mas ainda não era esposa dele. Foi um jantar brutal”, contou à revista.

Em vez de um diálogo, o que se deu à mesa foi uma longa exposição do bilionário. Nem o estrelismo de Hollywood era páreo para Trump, disparou o ator. “Conheci narcisistas, mas esse cara vai muito além disso”, afirmou. “Em uma mesa de quatro pessoas, cada um fica encarregado de 25% da conversa. Eu diria que Melania teve 0,1%, talvez. Eu consegui 1% e o governador Ventura, mais ou menos 3%. Trump tomou o resto.”

Harrelson se sentiu tão mal que resolveu dar uma volta para, digamos, espairecer. “Foi tão ruim que tiver de sair para fumar um antes de retornar ao monólogo.”

Mas Trump não é o único poderoso republicano com quem Harrelson tem história. O ator foi à universidade com outra figura do alto escalão: Mike Pence, atual vice-presidente dos Estados Unidos. O companheiro de chapa de Trump, porém, deixou uma impressão melhor. “Ele era calouro, me pareceu um cara legal, muito sincero. Eu não sei como nos daríamos hoje, mas na época a relação era Ok”.

Enquanto seu companheiro de universidade se tornou um político influente, Woody Harrelson foi para um caminho diferente, mas não menos bem-sucedido. O ator esteve em diversos filmes de sucesso e estreará na sequência da comédia Zumbiland – que estreia no Brasil em 14 de novembro.

Fonte: veja.abril.com.br/entretenimento/astro-diz-que-fumou-maconha-para-suportar-jantar-com-trump